quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Blogs de moda e consumo

No mês de julho, o blog completou três aninhos. Quem acompanha essa história desde 2009, sabe por quantas mudanças o "A Moda da Mira" passou. E estas refletem as próprias transformações que eu passei durante esse tempo.
Eu não vou contar novamente os motivos que me levaram a criá-lo. Já falei sobre isso nesses posts aqui e aqui. Mas, quero levantar uma questão que vem sendo debatida desde que os blogs de moda estouraram: que eles são incitadores de consumo.
Não chego ao limite extremo de vilanizá-los, mas, confesso que desde que comecei a acessar esse mundo de blogs, eu fiquei bem mais consumista. Estes veículos de comunicação permitem que tenhamos um acesso quase imediato às informações de moda. Hoje, no dito mundo globalizado, no mundo das redes sociais, tudo chega em tempo real para nós consumidores. E o que se apresenta aos nossos olhos, torna-se necessidade urgente, urgentíssima.
Se existe uma maneira de evitar que se caia nas armadilhas de compras à prazo e juros elevados de cartões de créditos? Com certeza, e eu já falei sobre isso no blog. Quem se lembra do "Diário de Bordo da minha Reeducação Financeira"?
Agora, sem paixões, eu sempre procuro ver os lados dessa discussão, e sabe que eu aprendi? É preciso saber filtrar as informações e sobretudo, é necessário que a gente procure ter um conhecimento mais apurado sobre o nosso estilo, pois, quando nos conhecemos, inclusive os nossos limites, não corremos o risco de comprarmos qualquer produto da moda por mero impulso. Roupas, sapatos e acessórios bons são aqueles que não ficam esquecidos no armário. Uma boa compra é aquela que podemos usar milhões de vezes. E eu nem estou falando de preço (tópico para outra discussão).
Ter acesso a blogs de moda é como manejar uma faca de dois gumes. Ao mesmo tempo que podemos cair no mundo do consumismo inconsequente, eles também, pelo menos para mim, trouxeram muitas coisas positivas, tais como: autoconhecimento, amizades e muita informação enriquecedora.
Eu sei que é super difícil a gente encontrar um equilíbrio para consumir de forma mais equilibrada, especialmente, para quem é leitor de blogs e revistas de moda. Tô vivendo isso na pele nesse momento e eu espero contar mais para frente a minha experiência. Mas, é um exercício, meu povo. Tem coisas que o dinheiro não compra. Paz de espírito é uma delas.
Então, qual é o motivo desse post? Porque falar sobre isso? É que nessa onda de consumo consciente e sustentabilidade, eu e mais   nove meninas, fomos convidadas pela Fê, do blog So Shopaholic, para participarmos de um projeto super legal. E eu quero convidá-los para acompanhar essa empreitada, a partir da próxima segunda-feira, dia 20.

As azamigas também postaram sobre o assunto em seus blogs. Confiram também, pessoal!

 Fernanda Alves: So Shopaholic
Aline Aimée: Little Doll House
Luciana Marques (Lual): Armário da Lual
Carol Domingues: The Party in the Garden
Nati Lopes: Meu Mundinho
Anna Kuhl: Creyssa Phyna
Fernanda Defferrari: Lollipops and Marshmallow
Mariane Martins: Facebook dela aqui
Ana Helena (Anah): Era uma vez

Beijokas!!!

13 comentários:

  1. Adorei esse postt,acho o consumo consciente muito importante.
    Bjinhus

    ResponderExcluir
  2. tbm fiquei muuuuuuuuuito curiosa!

    ResponderExcluir
  3. Acho que será muito legal! Tô ansiosíssima.
    Bjão.

    ResponderExcluir

  4. Mira,

    Super curiosa...
    De uns anos pra cá as viagens entraram em minha vida, gasto apenas o essencial focando na viagem. Nem eu acredito que consegui poupar tanto!
    Bjo!



    ResponderExcluir
  5. Oi Mirian! Sabe, acho que no começo do blog todo mundo se empolga um pouquinho comigo foi assim. Não digo que passei a ser mais consumista, até por que meu orçamento não permite isso, nem minha consciência, mas fiquei mais atenta às minhas escolhas e passei a saber o que fica melhor pra mim etc etc. Gostei muito da iniciativa. Sou super adepta do consumo consciente, já falei no blog tbem. No momento vou levando o blog com muita criatividade e força de vontade, não estou podendo comprar roupa agora, tô dando um tempo, pois tenho outras prioridades inadiáveis que vão me fazer muito bem. Mas continuo amando blogs de moda, sim é sofrimento ver vitrines, a ultima tendência, e não ter, rsrs mas sigo olhando para o meu alvo. Bem vou adoras ver suas experiências e das outras meninas. bjoss

    ResponderExcluir
  6. Que projeto bacana, aproveita para anunciar tbm no facebook Mira! beijos

    byemilyferreira.com

    ResponderExcluir
  7. Mira, que idéia bacana, vou acompanhar!
    Eu também aprendi muito com o meu blog e com os blogs de moda, mas nunca comprei nada que não ia poder pagar, meu cartão nunca ficou estourado e nunca paguei atrasado pra não pagar juros, sempre comprei muito, mas com consciencia de que no dia do venciomento teria o dinheiro, me afundar em dívida por causa roupa nova, jamais!.
    Bjusss

    ResponderExcluir
  8. Eu tinha lido no blog da Lily e achei o máximo. Eu por exemplo, preciso me reeducar, para ontem...eu gasto o q tenho e o q não tenho..não consigo juntar nada e com isso deixo de fazer varias coisas q tenho vontade por falta de grana, como viajar.
    Vou esperar ansiosa.
    bjs
    Liz

    descedoponei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. . li tudinhooooooooooooooooooo, inclusive as outras duas postagens e sabe o que mais gosto? sua escrita! sempre perfeita e conclusiva, parece a Dryca Soares (blog Atitude Frente a Vida).
    . ansiosa esperando as novidades.
    . bj. fique com DEUS.
    . ps: eu gosto de blogs e revistas de moda, mas não me torno mais consumista por isso, tento pegar ideias para adaptar com o que tenho em casa, agregando acessórios mais baratinhos, como aqueles anéis que vc tem mostrado, da feirinha dai.

    ResponderExcluir
  10. Que triste! Só eu não tenho mais blog. Quem sabe não reabro agora, né?

    Saudades linda!

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Pois é depois dos blogs fica difícil não quere ter tudo. Vou acompanhar. Bjs

    ResponderExcluir

Não se reprima. Deixe aqui o seu comentário.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.